Plataformas para criar sites sem custos: Top 5
Nenhum Comentário
Plataformas para criar sites sem custos: Top 5
Plataformas para criar sites sem custos: Top 5

Plataformas para criar sites sem custos: Top 5

Nenhum Comentário

Todo mundo está procurando uma maneira certeira de fazer renda extra. Dentre as melhores, está a criação de websites e blogs próprios, que permitem bastante dinheiro a longo prazo. Para te ajudar nisso, selecionamos as melhores plataformas para criar sites sem custos!

Se quiser conhecer elas, siga lendo e confira as descrições de cada uma delas, com indicações de onde são melhores usadas e links para começar!

1. WordPress

A primeira – e possivelmente melhor – opção de nossa lista é o WordPress, que conta não só com uma ferramenta gratuita, como também com a ferramenta paga. É possível utilizar grande variedade de plugins que permitem criar sites profissionais com um tanto de facilidade.

Conta com uma variedade gigantesca de elementos e de possibilidades de customização, sendo relativamente acessível até mesmo para completos novatos na área. É particularmente bom e equipado para quem quer criar um blog pessoal ou até mesmo um blog de sucesso profissional.

É, atualmente, a plataforma mais usada para criar sites e blogs da mais alta qualidade, sendo responsável pela criação de mais de 1/4 dos sites do mundo.

O maior lado negativo dele em sua versão gratuita é que não oferece um domínio nem um serviço de hospedagem, sendo necessário que você busque por conta própria as suas alternativas para isso. Para te ajudar a escolher a hospedagem ideal, temos um guia. Para escolher o domínio, usar de um site como o Registro.br é recomendado.

Para ver tudo sobre a plataforma, basta ir até o site oficial da versão gratuita, br.WordPress.org, por meio do link.

WordPress Plataformas para criar sites sem custos


2. Blogger

Se, dentre as plataformas para criar sites sem custos, o WordPress não é a alternativa certa para você, talvez goste do Blogger. É perfeito para quem quer criar um blog e pertence à Google, por mais que tenha muitas limitações, principalmente se comparado ao WordPress.

Portanto, é mais recomendado se você tem planos concisos para o que vai fazer, sem a necessidade de expansão futura. Se esse for o objetivo, você pode realmente gostar dele, utilizando das diversas opções de personalização oferecidas para criar o seu próprio blog.

Além disso, o processo de criação de conta é particularmente fácil: basta conectar suta conta do Gmail para usar. Também é realmente fácil de utilizar do Google AdSense no seu site, justamente pela integração.

Por fim, se você quiser expandir o seu blog ou site, o tornando ainda mais profissional e completo, é possível realizar a migração dele para qualquer outra plataforma que quiser usar. Caso tenha se interessado nele e deseje começar a criação do seu site agora mesmo, siga o link.

3. Wix

Quem deseja trabalhar em casa com o seu próprio blog ou quer anunciar os seus serviços de maneira gratuita e fácil provavelmente conhece o Wix. É uma plataforma realmente completa e de fácil uso, que oferece hospedagem gratuita e domínio próprio gratuito.

Oferece um editor de páginas simplificado, mas bastante eficaz, além de uma quantia bastante surpreendente de temas (mais de 500!) e muitas outras opções de customização. É especialmente bom para quem vai criar sites de vendas para ganhar dinheiro a mais com isso.

Atualmente, conta com mais de 150 milhões de usuários pelo mundo, em mais de 190 países. Oferece, também, uma versão paga que permite mais customizações ainda, liberando mais temas, aplicativos exclusivos, a customização do domínio omo desejar e a remoção das propagadas do Wix que estarão lá.

Os custos, entretanto, começam em R$ 6,00 por mês, o que é realmente bastante acessível. Se tiver interesse nele, basta ir até o site oficial para ver mais.

Wix Plataformas para criar sites sem custos

4. Weebly

Outra excelente alternativa dentre as plataformas para criar sites sem custos é o Weebly, menos conhecida que as anteriores, mas muito similar a elas e tão boa quando. É ideal para quem não sabe nada de programação e nem deseja aprender para criar seu site, sendo realmente simples de usar.

Por meio dele, é possível criar sites sem a ajuda de um especialista do tipo que quiser, podendo ser blogs, sites de e-commerce, páginas pessoais, portfólios realmente completos e páginas de negócios, além de outras diversas opções.

Oferece um número bastante grande de templates e configurações para facilitar a personalização, permitindo que o seu site seja como quiser. Contudo, em sua versão gratuita pode ser um tanto limitado, tanto em recursos quanto em espaço de armazenamento.

Como um grande benefício, conta com aplicativos tanto para Androids quanto para iPhones que permitem que você gerencie e configure o seu site diretamente por seu smartphone. Veja mais informações por meio do link a seguir.

5. Silex

A última das opções que selecionamos é o Silex, uma opção bastante similar ao WordPress.org em diversos aspectos. É completamente gratuito, não oferece limitações, oferece uma excelente (e simples) ferramenta de criação de sites e mais coisas. Contudo, é necessário um conhecimento básico de programação.

Por meio de seu criador de sites, você consegue realizar as edições que quiser e precisar, utilizando de diversos modelos e templates gratuitos para isso. Oferece, também, um serviço de hosting próprio, mas para que você possa criar o seu site precisa comprar um domínio próprio.

É uma opção muito interessante da lista, bastante simples de usar e completamente gratuita, então vale a pena ao menos conferir. Siga o link para isso!

Silex Plataformas para criar sites sem custos

E aí, o que achou da nossa lista de plataformas para criar sites sem custos?

Deixe nos comentários a sua opinião sobre as opções que incluímos, dizendo se já conhecia alguma e se te ajudamos a escolher uma melhor. Não se esqueça de conferir, também, como escolher o banco digital ideal para você e o nosso guia de como criar sites com ferramentas grátis.


Seções:



Comente este artigo

* Campos de preenchimento obrigatório

Voltar ao topo