IPTV: tudo o que você precisa saber [Guia Completo]
Um Comentário
IPTV: tudo o que você precisa saber [Guia Completo]
IPTV: tudo o que você precisa saber [Guia Completo]

IPTV: tudo o que você precisa saber [Guia Completo]

Um Comentário

Durante a quarentena, o IPTV tem sido uma das principais buscas de quem procura mais opções na hora do lazer. Afinal de contas, a TV aberta é deficiente em opções e nem sempre o catálogo de apps para ver filmes e séries tem algo que chame nossa atenção.

Diferente do que vimos nos serviços de streaming, o IPTV traz algo que só conseguimos na televisão: a surpresa de encontrar algum filme ou série que gostamos e parar para assisti-lo. Principalmente quando falamos em obras que não estão disponíveis nestes serviços.

Agora, veja abaixo tudo o que precisa saber sobre esse tipo de plataforma. O que é, como funciona, quanto custa e até mesmo o que é legal e o que não é quando falamos em IPTV.

Confira abaixo o nosso guia completo!

O que é IPTV?

O significado de IPTV não poderia ser mais simples: internet protocol television. Ou seja, televisão pela internet. Não tem mistério, já que o significado é esse mesmo: você acessa canais de televisão por meio da sua conexão de internet.

Isso significa que você pode usar essa plataforma para assistir televisão no seu computador, celular e até mesmo na smart TV. Se optar por adotar o IPTV como única plataforma de televisão, pode tranquilamente abolir cabos e antenas televisivas, principalmente se tiver uma smart TV.

Para televisões mais antigas, é possível dar a volta nesse problema com um aparelho de TV Box. Esses aparelhos fazem com que uma TV convencional possa acessar a internet. Considerando esse detalhe, praticamente qualquer aparelho televisor com uma entrada USB pode acessar essas listas de IPTV.

iptv


Como funciona uma IPTV?

Não há muito mistério na hora de falarmos sobre como funciona uma IPTV. Usando o sinal de internet, você capta o sinal digital emitido pelas emissoras. Normalmente, esses sinais estão disponíveis por meio das listas de IPTV.

Essas listas estão disponíveis por meio de endereços web, no qual você irá inserir em aplicativos como o Kodi. O programa captará a lista de canais daquele serviço e as exibirá para você. Depois dessa configuração inicial, basta escolher qual canal você quer assistir!

Quanto custa um IPTV?

Vale mencionar que raramente encontrará IPTVs gratuitas que fujam dos próprios canais abertos, já disponíveis na televisão. Até mesmo serviços ilegais costumam cobrar uma taxa para te disponibilizar os canais fechados. Claro que por um preço muito menor, mas vamos falar desse assunto mais à frente no artigo.

Como falamos, apenas listas IPTV com canais abertos será gratuita. Listas legalizadas costumam estar disponíveis nas próprias operadoras e canais. Alguns deles, como a Telecine, já oferece na assinatura padrão acesso aos canais tanto pelo sinal televisivo quanto pela internet.

Ao buscar por serviços do tipo, é interessante contatar as operadoras e conferir o que elas tem a oferecer em relação à distribuição das listas para assistir os canais online.

Quantos megas gasta?

Vale mencionar que não é interessante usar esse tipo de serviço em planos de dados móveis. Assim como acontece em serviços como a Netflix Amazon Prime Video, transmitir imagem costuma consumir bastante banda.

É impossível precisar quantos megas gasta um IPTV. Como a maioria dos serviços, depende de quanto tempo você gasta o utilizando. Porém, se você está em uma conexão fixa por cabo ou até mesmo usando conexão Wi-Fi, não deverá ter problemas com o gasto de megas ao assistir TV pela internet.

assista televisao por conexao

Qual a velocidade de conexão ideal?

Quando falamos em uso da conexão para assistir televisão online, a velocidade é mais importante do que o gasto de megas. Novamente, a transmissão de imagem é um fator considerável quando falamos em uso de conexão.

Por isso, é importante ficar atento à velocidade da sua conexão fixa antes de assinar uma lista. Se a sua conexão tiver velocidade abaixo de 1MB, por exemplo, é impossível assistir IPTV, a não ser que esteja em péssima qualidade de imagem.

Para assistir TV online em qualidade convencional (480p), sua conexão deve estar entre 1MB e 5MB. Já a qualidade HD (720p) exige velocidade entre 5MB e 10MB. Acima de 10MB é perfeitamente possível assistir IPTV em FullHD (1080p), qualidade máxima da maioria dos canais atualmente.

Para assistir aos poucos canais que disponibilizam resolução 4K (2160p), é necessário ter, no mínimo, 35MB de conexão exclusiva para assistir TV. Ou seja, nada de assistir TV e ligar um jogo multiplayer para PC, por exemplo.

Antes de definir em qual qualidade quer assistir TV online, vale considerar qual a resolução máxima que a sua TV ou monitor é capaz de reproduzir. Não vale a pena investir em uma conexão melhor para assistir canais 4K se a sua TV só pode reproduzir imagem em FullHD. Caso faça isso, o canal estará na resolução máxima possível da sua televisão.

Quais os riscos da IPTV?

Não há riscos em usar IPTV legalizada. Por serem serviços registrados e responsabilizáveis, você pode assiná-los e usá-los sem problemas.

O risco está no uso das listas ilegais, que configuram pirataria. Por estarmos falando em serviços que funcionam fora da legalidade, você não tem garantias que a máquina que usará para acessá-lo estará segura. O que acontece em alguns destes serviços é a exibição de anúncios, que te levam a páginas criadas para roubar dados, informações ou até mesmo acesso ao seu aparelho.

Outro risco que você corre ao assinar esse tipo de serviço é a interrupção abrupta que pode acontecer. Mesmo que assine um plano que dure 6 meses, por exemplo, o prestador não pode te garantir isso. Caso operações policiais venham a encontrá-lo, o serviço será interrompido da noite para o dia.

Como não há garantias por estar contratando um serviço ilegal, você não pode reivindicar o acesso caso um bloqueio aconteça.

É crime vender o serviço?

A resposta para essa pergunta é: depende. As listas IPTV não são ilegais por si só. Por isso que as próprias operadoras e canais fechados oferecem o serviço, essencial para quem não tem antena, mas quer assistir séries para fazer maratona ou acompanhar regularmente seus seriados favoritos.

O problema são as listas que operam furtando sinal dessas operadoras. Claro que, ao fazer isso, oferecem um serviço mais barato do que se você fosse fechar com a operadora legalmente.

Por conta da operação usar o sinal de terceiro, sim, é crime usar listas IPTV que não podem provar que são legalizadas e autorizadas a operar por instituições como a Anatel ou as próprias operadoras.

listas iptv piratas são arriscadas

Como assinar um serviço legalizado?

A primeira coisa que deve fazer para conseguir assinar IPTV legalizada é negociar diretamente com as próprias operadoras. Como elas normalmente vendem o acesso direto ao consumidor, não há necessidade de intermediários.

Ou seja, não fique buscando por sites de IPTV. Consulte a página das próprias operadoras e veja o que elas tem a oferecer na parte de transmissão online.

Vale mencionar que, por seu foco estar na venda do serviço televisivo tradicional, pode não ser tão fácil encontrar. Nessas situações, é interessante acionar a área de suporte ou de televendas para saber quais são as opções de IPTV que eles têm a oferecer.

Qual IPTV é legal?

Como mencionamos anteriormente, qualquer IPTV fornecido diretamente pela operadora é legalizado. Para assistir televisão online e de graça, você pode buscar por listas que contenham apenas o sinal de TVs abertas.

Caso a lista contenha o sinal de TV fechada, desconfie, já que pode ser um serviço falso, fazendo com que corra os riscos que mencionamos anteriormente. Não faltam opções de IPTV que são legalizadas, então é fácil encontrar alternativas que funcionem para você e a sua carteira.

Não tenho smart TV. Como conseguir um receptor?

Atualmente não é difícil conseguir usar o IPTV, mesmo sem uma smart TV moderna. Existem diversos aparelhos chamados TV Box que transformam uma televisão sem conexão em uma smart TV com acesso à internet.

Você pode conectá-los por meio de cabo USB e normalmente é o suficiente para fazer sua TV acessar à internet, bastando configurar o acesso ao Wi-Fi da sua casa. Após instalados, pode usar a TV Box para acessar os serviços de streaming que já mencionamos, além de plataformas como o YouTube.

Os aparelhos vêm em diferentes formatos e preços, se diferenciando pela capacidade de armazenamento – muitos deles te permitem assistir filmes que baixou em seu computador – ou pelos aplicativos disponíveis.

Os modelos mais baratos de TV custam por volta do R$ 250, enquanto aparelhos mais avançados costumam estar acima dos R$ 1.300. Vale saber o quanto tem disponível para investir em um aparelho e quais são as funções imprescindíveis para você na hora de escolher.

As TV Box são ótimas para acessar as listas

Está considerando assistir TV pela internet?

O que achou do nosso guia completo sobre IPTV? Estava buscando alternativas para assistir televisão usando o sinal da internet e economizar em antenas ou instalação de cabos na sua casa?

Quais são suas principais dúvidas sobre esse método de transmissão para acompanhar seus canais favoritos? Em quais aparelhos costuma assistir programas de televisão.

Conte para a gente em nossa seção de comentários e não deixe de conferir também alguns dos melhores serviços de streaming de vídeo para assistir o que quiser, onde quiser!


Seções:



Comente este artigo

* Campos de preenchimento obrigatório

1 Comentário

  1. Silvia Coelho 19 de outubro de 2020 7:32

    O serviço da https://iptvmf.tv funciona bem.

Voltar ao topo