As 9 melhores maneiras de usar o Google Workspace para o desenvolvimento Web
As 9 melhores maneiras de usar o Google Workspace para o desenvolvimento Web
As 9 melhores maneiras de usar o Google Workspace para o desenvolvimento Web

As 9 melhores maneiras de usar o Google Workspace para o desenvolvimento Web


A maneira como nos comunicamos no trabalho pode ser transformada levando em consideração alternativas integradas de funcionalidades para equipes e o Google Workspace traz essas ferramentas de forma gratuita ou com baixo custo, para o desenvolvimento de tarefas na web.


Se você está buscando aumentar a produtividade e a colaboração online entre membros de equipes, que podem estar distantes fisicamente, mas precisam permanecer conectados, esse artigo vai te mostrar como conseguir isso através do Google Workspace. 

Utilizando aplicativos da plataforma como o Drive, o Google Docs e Agenda, por exemplo, você e sua equipe poderão desenvolver sites como desenvolvedores experientes, mesmo não sabendo nada de design. As ferramentas disponíveis se integram facilmente, reunindo código, conteúdo e criatividade em um único lugar.

Além disso, muitas pessoas utilizam esses aplicativos em sua rotina, o que facilita o entendimento e a utilização dos mesmos.  

Seja um desenvolvedor de sites na web e disponibilize o seu conteúdo com o mínimo de despesas e o máximo da integração virtual do seu time.

Acompanhe algumas dicas e arrase com o Google Workspace para o desenvolvimento do seu site na web.

1. Detalhamento do projeto

Iniciamos este artigo pela parte primordial de um projeto: a comunicação!

Muito se fala a respeito da importância de manter a informação circulando igualmente por todos os colaboradores de um projeto e, quanto mais acessíveis estiverem as informações, maior a chance de sucesso no final, correto?

Ao desenvolver um site, muitas especificações técnicas precisam estar acessíveis e o Google Docs é o aliado ideal para reunir essas considerações e deixá-las disponíveis à todos os membros.

Com ele você pode formatar seus documentos e inserir gráficos e planilhas de outros documentos como o Excel.

Além disso, você pode compartilhar o arquivo através de links seguros, somente para leitura ou até mesmo considerando possíveis edições e comentários.

Outra funcionalidade muito interessante e disponível a um clique é a integração com o Google Slides, você poderá inserir suas apresentações, exibir botões de ação e outras funcionalidades simplesmente copiando e colando o slide selecionado.  

Em resumo, o trabalho inicial para o desenvolvimento de projetos na web fica mais integrado com o no Google Workspace.

2. Armazenando arquivos com segurança

Outro assunto sempre em pauta quando falamos a respeito de informações nas redes é a segurança dos dados. Muitos desenvolvedores de site acabam investindo consideravelmente em ferramentas de proteção para o conteúdo de suas páginas.

O Google Drive é uma das melhores e mais acessíveis ferramentas neste quesito. Você pode criar um email específico para seu projeto de site, utilizando os 15GB gratuitos ou expandir sua capacidade de armazenamento com um baixo custo. 

Crie drives compartilhados e ajuste os acessos personalizados, como visualizar, comentar e editar conteúdos, garantindo o gerenciamento e a integridade dos dados do seu projeto. 

3. Criando sites dinâmicos

A busca por visibilidade, aumento do alcance e tráfego em sites é uma rotina diária que passa pela criação de conteúdos dinâmicos e pela retenção das informações dos usuários que visitam a sua página.

Para conhecer mais sobre esses usuários seu site precisa ser capaz de modificar as informações que são mostradas aos visitantes com base em cada perfil. Porém, esses recursos requerem ferramentas avançadas que muitas vezes somente as grandes empresas conseguiam manter.

Contudo, você pode utilizar as ferramentas do Google App Engine e do Google Cloud, como o Cloud Run e criar o seu site dinâmico. Na hospedagem do Google Cloud, por exemplo, consegue-se desenvolver novos recursos sem que isso afete o site ativo, por meio do controle de revisão.

E essa é mais uma das maneiras de usufruir do Google Workspace para o desenvolvimento do seu site na web.

4. Acompanhamento dos projetos

A gestão de projetos serve para tornar a realização dos mesmos mais seguras, rápidas e eficientes, mas as ferramentas para esses acompanhamentos podem elevar os custos do desenvolvimento do seu site.

Utilizando as planilhas do Google e explorando as múltiplas funcionalidades oferecidas pelo Gmail você poderá gerenciar os passos do projeto com maior economia.

Crie tarefas através de um complemento do Gmail chamado “Tarefas”, localizado no menu lateral direito. Ele permite criar, atribuir, modificar e concluir tarefas diversas. Você pode conferir também 6 dicas para usar o Google Tarefas.

Porém, para trabalhar com tarefas em equipe, você precisará de uma assinatura do Google Workspace.  

Para cada tarefa os membros da equipe serão notificados por e-mail. Eles poderão adicionar as tarefas ao seu app do Google Agenda pessoal ou à agenda compartilhada do time.

Veja também: 10 funcionalidades interessantes do Google Agenda.

E uma dica: para realizar o monitoramento dos processos e do andamento do projeto pesquise por um modelo de Planilha Google. Esses modelos gratuitos, como Acompanhamento de projetos ou Linha do tempo do projeto facilitarão a confecção de planilhas considerando as etapas e os responsáveis por cada fase.

O então, até agora o que você está achando do Google Workspace para o desenvolvimento do seu site na web?

5. Desenvolvendo protótipos

Vai chegar aquele momento no decorrer do projeto em que você precisará mostrar ao cliente final um protótipo do site. Nesta hora, a apresentação pode ser realizada de forma virtual, através do Google Meet.

Essa ferramenta tão difundida durante os últimos anos e o crescimento das reuniões virtuais já é muito conhecida. Porém, além de apenas compartilhar sua tela pelo Meet, acrescente o Google Jamboard à reunião.

Google Workspace Jamboard

Assim, sua equipe e cliente serão convidados a fazer ajustes de design no protótipo com essa ferramenta de colaboração visual tão interessante. Unindo o Google Jamboard com o Google Meet, o acesso de todos os participantes da reunião ao projeto será instantâneo através das mensagens durante a chamada.

Uma ferramenta colaborativa e muito útil para projetos em equipe.

6. Sites sem complicação

Agora ficou mais simples criar sites envolventes com essa ferramenta de criação de páginas da web que é o Google Sites. Ele é uma ótima alternativa para quem deseja criar um site impactante sem qualquer tipo de complicação.

Google Workspace site

Você pode criar um portfólio, divulgar um evento ou criar uma intranet de status de um projeto com essa ferramenta.

A criação do site é super acessível, com uma plataforma intuitiva que te permite organizar os conteúdos arrastando e soltando os itens sugeridos em um menu lateral. Além das opções de layouts de páginas, temas, fontes de designers e cores, também é possível inserir documentos, planilhas, apresentações e formulários dos aplicativos do Google. 

Tudo tão simples que não dá pra acreditar que esteja disponível e você ainda não esteja utilizando, não é mesmo?

Para finalizar, vincule seu perfil do Google Meu Negócio com o seu Google Site para coletar dados de tráfego. Desta forma você será mais assertivo no planejamento dos seus conteúdos.

7. Seu site responsivo

Agora que já entendemos que você pode criar um site de forma simples e gratuita, você deve estar pensando nos detalhes da estrutura para que seus visitantes possam ter uma experiência de sucesso em celulares, tablets ou laptops, correto?

Então deixa eu te contar um outro maravilhoso recurso: o Google Sites ajusta essas proporções automaticamente pra você!  Inclusive, a plataforma facilita a interatividade dos usuários do seu site tornando alguns botões clicáveis, como os de telefone, por exemplo, que passam a ser responsivos ao toque. 

É o Google Workspace transformando a experiência para o desenvolvimento do seu site na web.

8. Comunicação Remota

No início desse artigo falamos sobre a importância da comunicação e vamos voltar a ela pois através das diversas ferramentas como o Google Grupos, o Google Meet e o Google Hangouts ela está garantida.

Usando o Grupos do Google a comunicação remota com todos os envolvidos no projeto se faz através de um único e-mail, garantindo que nenhum membro seja esquecido no momento do envio de informações relevantes.

Algumas configurações permitem aos administradores a definição de quem pode postar, conversar e até visualizar membros. 

Agora vamos para a última maneira de usar o Google Workspace para o desenvolvimento na web.

9. Comentários de visitantes

Outra ferramenta gratuita é o Google Analytics que permite mensurar o número de visitantes do site e também os dados demográficos, como a localidade por exemplo.

Pode ser um pouco complicado realizar essa análise no início, caso você não tenha muito conhecimento da ferramenta, porém você pode contar com o Google Forms e criar os seus próprios modelos considerando as informações relevantes para o site. Com poucos cliques você poderá integrá-lo ao site.

Formulários de feedback dos clientes ou de registro de procura por produtos e serviços que serão salvos de forma prática e segura no ambiente do Google Forms e poderão ser baixados em excel ou PDF, à sua escolha.

Em resumo, mesmo utilizando outras plataformas para desenvolver seu blog ou o site de seus clientes, com as ferramentas do Google Workspace você pode conectar os processos de forma gratuita.

Já conhecia todas as maneiras de usar o Google Workspace para o desenvolvimento na web?

Explore as possibilidades e utilize a sua criatividade interligando plataformas como o Figma ou Canva para criar seus designs e o Google Sites e Google Meu Negócio para colocá-los na web e conseguir extrair os melhores resultados.

E conta pra gente nos comentarios se esse artigo foi útil pra você.


Por Equipe Apptuts
Seções:



Voltar ao topo