171: Jogo Brasileiro Retrata Realidade Urbana
171: Jogo Brasileiro Retrata Realidade Urbana
171: Jogo Brasileiro Retrata Realidade Urbana

171: Jogo Brasileiro Retrata Realidade Urbana


171 é um jogo de ação e aventura de mundo aberto com ambientação inspirada no Brasil.


O jogo possui uma ampla cidade inspirada em cenários essencialmente brasileiros, cada detalhe e elemento presente no ambiente do jogo foi pensado para trazer uma sensação de familiaridade ao jogador.

A cidade toma vida com pedestres e carros andando pelo mapa que interagem entre si e com o mapa, o jogador conta com armas e pode interagir com os elementos presentes na cidade.

Porém é importante tomar cuidado, pois toda ação poderá criar uma reação na mesma intensidade, agir de uma forma agressiva poderá chamar a atenção.

Uma atitude violenta poderá fazer que inocentes mantenham a distancia e trazer problemas não só com a polícia, mas também com bandidos locais.

Desenvolvimento 171: Início

171 foi lançado pela desenvolvedora e distribuidora independente Betagames Group, com aproximadamente dez integrantes, localizada no estado de São Paulo.

Em meados de 2010 e 2011, épocas em que modificações brasileiras para jogos como Grand Theft Auto: San Andreas se tornaram populares, eles começaram a pensar em desenvolver um jogo vagamente ambientando no Brasil.

Quando perguntados de “como surgiu a ideia de produzir um jogo de mundo aberto, especialmente ambientado no Brasil?”, Diogo Moraes, um dos desenvolvedores do jogo, respondeu:

“É difícil encontrar alguém que não goste de games de mundo aberto hoje em dia, não é mesmo? Nós, por exemplo, adoramos a liberdade adotada nesses games, são verdadeiras obras de arte. Ao nos depararmos com mods que traziam conteúdos e até ambientes mesmo que fracionados do Brasil e de forma cada vez mais frequente, isso despertou nosso interesse e nos fez ver as possibilidades de uma criação dedicada para esse fim, pois não era apenas algo legal, mas sim algo que com o passar do tempo vimos que todos esperavam ver e não apenas nós.”

O significado do título “171“, está ligado ao artigo 171 do código penal brasileiro referente ao crime de estelionato, mas que, de forma popular, é utilizado para se referir a criminosos de forma geral.

Desenvolvimento 171: 2010-2015

Ao longo dos anos, entre 2010 à 2015, a equipe utilizou o motor gráfico de jogo Blender, até ter sido substituído posteriormente para a Unreal Engine 4.

O desenvolvimento de 171 foi lento ao longo desses anos. Durante esse tempo, em 2015, a Betagames lançou o jogo Minta se Puder para a plataforma Windows.

Uma página no Patreon, para acarretar fundos para 171, também foi criada em 2015. O processo de desenvolvimento do jogo foi realizado de maneira não-integral, como explicado por Diogo Moraes:

“Atualmente o 171 está sendo desenvolvido, apesar de sermos uma equipe Indie no momento que apenas consegue dedicar apenas horários livres para seu desenvolvimento, e isso de fato reflete em seu tempo de produção, o projeto segue fortemente em criação.”

Desenvolvimento 171: Primeiro Trailer

Em outubro de 2015, a Betagames Group lançou em seu canal no YouTube um teaser-trailer retratando sobre a ambientação, jogabilidade e conceito do jogo.

Este vídeo rapidamente alcançou popularidade em vários serviços de meios de comunicação, incluindo a sua aparição na televisão, através do Programa do Porchat da TV Record.

A música usada no trailer foi a “Chavão”, cedida por Família Shake; isso fez com que a Betagames Group abrisse espaço para que cantores, DJs, bandas e/ou artistas independentes enviassem sua canções para o jogo a fim de ajudar nos elementos sonoros do mesmo, bem como aumentar a popularidade desses artistas.

171 jogo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Além disso, a desenvolvedora também disponibilizou o envio de grafitagens de artistas, pois eles descreveram como forma de “manifestação artística” além de “uma ótima forma de expressão cultural” visando o reconhecimento de “artistas mais humildes a apresentarem sua arte para todo o Brasil, com isso o artista estará recebendo o devido reconhecimento pelo seu trabalho.”

Dois dias depois, eles divulgaram uma nova atualização, focando em mudanças nas viaturas, novos veículos e armamentos.

Desenvolvimento 171: 2016-2018

No final de 2016, o site oficial da Betagames Group apresentou uma contagem regressiva até fevereiro de 2017. Muitos especularam que o jogo seria lançado naquela data. No entanto, a data foi referente a uma grande atualização que eles estavam planejando na qual foi adiada para maio daquele ano.

No mês seguinte, eles divulgaram que fizeram uma parceria com a Mega Provedor, uma empresa localizada em São Paulo que disponibilizou sua estrutura para a Betagames Group no objetivo de “suportar uma maior quantidade de usuários online diariamente”.

Isso se deu por conta do grande número de acessos do público à página terem deixado-a offline duas vezes por conta da curiosidade de conferirem as últimas novidades postadas pela desenvolvedora.

A disponibilização de partidas online entre os jogadores também foi considerada. Finalmente, em maio de 2017, a Betagames Group lançou mais uma nova atualização, no qual é demonstrado um vídeo de gameplay referente a “expansão do mapa”.

Com uma parceria com o canal Gigaton Games do YouTube, o vídeo da gameplay atingiu mais de 2 milhões de visualizações e mais de 170 mil likes até junho de 2019.

O vídeo mostra o protagonista caminhando sobre a cidade, com diversos detalhes referentes às periferias brasileiras, como casas sem reboco, lixeiras e postes pintados.

Dois meses depois, eles lançaram mais uma nova atualização, demonstrando o sucesso de seu projeto social realizado em abril de 2016, com um número expressivo de artistas que enviaram suas músicas para a desenvolvedora, incluindo a Família Shake, Sephion, Paradgma e Quartzo Records.

Até então, a cidade do jogo estava sendo mantida em segredo, entretanto foi descoberto que a cidade retratada nos vídeos de gameplay do jogo é baseada no município de Sumaré, interior de São Paulo, com o seu nome fictício sendo Sumarití.

Estágios Finais do Desenvolvimento

Esse feito foi descoberto pelo canal do YouTube SanInPlay, em setembro de 2017, após analisar algumas artes conceituais do jogo e a comparação do mapa fictício com o da vida real.

Em fevereiro de 2018, eles divulgaram uma nova atualização do desenvolvimento, dessa vez com um vídeo gameplay do jogo com o protagonista dentro de um veículo.

Foi mostrado o processo de tunagem de carros, além de novos elementos no cenário, HUD e elementos de som.

No final daquele ano, eles divulgaram a atualização “Jogar pra perder não é comigo” que contava com novas demonstrações de jogabilidade, como mecânicas de tiro e destruição de veículos.

Junto a isso, eles divulgaram uma campanha no Catarse para poder acarretar fundos para 171 a fim de apresentarem uma gameplay jogável na Brasil Game Show 2019, bem como disponibilizarem brindes e conteúdos extras para os apoiadores.

Desenvolvimento 171: 2019-2020

No início de 2019, a desenvolvedora conseguiu arrecadar mais de 68 mil reais na campanha coletiva, conseguindo colocar 171 na Brasil Game Show daquele ano.

Em 13 de abril de 2020, foi aberta uma nova campanha de arrecadação no Catarse. Nela existiam duas metas; a primeira tratava-se de um valor de R$ 57135,00 e a segunda sendo de um valor adicional de R$ 21632,00 (R$ 78767 ,00 somando os dois valores).

O dinheiro adicional da segunda meta será investido em um equipamento de captura de movimentos a fim de aperfeiçoar as animações dos personagens.

A campanha acabou por ser bem-sucedida, com a equipe arrecadando mais de 30 mil reais nas primeiras 24 horas e bateu a meta do valor total estimado em apenas 2 dias, possibilitando que a equipe acelerasse a produção do jogo. No total, a desenvolvedora arrecadou mais de 197 mil reais nessa segunda campanha.

Divulgação e Lançamento

Um meio proeminente da Betagames Group em divulgar 171 é através da plataforma YouTube, com vídeos mostrando o processo de desenvolvimento.

Além disso, alguns canais dedicados a jogos eletrônicos fizeram parcerias com a desenvolvedora a fim de divulgarem alguma atualização do jogo.

Uma campanha de arrecadação de fundos no Catarse foi criada no objetivo de acelerar o desenvolvimento do jogo e promovê-lo na Brasil Game Show (BGS) 2019.

Nela, dependendo do valor doado, o jogador poderia ganhar uma cópia da então futura versão pré-alfa, além de alguns brindes, como uma camiseta, uma caneca, um pôster e uma mini escultura do protagonista do jogo.

A promoção de 171 na BGS 2019, fez com que mídias relacionadas ao ramo de jogos fizessem artigos dedicados ao jogo.

A IGN considerou 171 como um dos destaques da convenção, destacando principalmente o quanto que ele estava gerando visibilidade entre o público.

Sobre o fato de ser apelidado de “GTA Brasileiro”, alguns dos desenvolvedores admitiram: “não gostamos de chamar de GTA Brasileiro”.

Porém, concordaram que tal comparação era “inevitável” e que às vezes se sentiam “lisonjeados” na comparação com a “franquia bilionária da Rockstar”.

Versão Pré-Alfa

Os desenvolvedores demonstraram a primeira versão pré-alfa na BGS 2019 em outubro daquele ano, que consistia em um número de dez carros e duas armas em uma parte limitada da cidade.

A desenvolvedora lançou uma segunda versão de desenvolvimento, a pré-alfa 2, em 25 de março de 2020.

Originalmente, os desenvolvedores previram essa versão para o final de 2019, contudo, tiveram de adiar esse lançamento para propor uma experiência com um “melhor nível de qualidade” para os jogadores.

Essa versão ficou disponível para PC via Steam somente para àqueles que colaboraram na campanha de dezembro de 2018 a janeiro de 2019 no Catarse (doando uma quantia acima de R$ 50,00) e para algumas personalidades da mídia para promover o jogo.

Essas personalidades incluem YouTubers, como aqueles que haviam feito parcerias anteriormente para a desenvolvedora e para outros que expressaram interesse no jogo.

Diferente da primeira versão vista na BGS, a pré-alfa 2 inclui um sistema de procurado semelhante a da sérieGrand Theft Auto, além de dublagem e possibilidade de trocar de roupa.

Muitos jogadores elogiaram essa versão principalmente pela sua ambientação, jogabilidade com veículos e dublagem.

Polêmicas e Golpes

Após o lançamento da pré-alfa 2, alguns sites e, principalmente, canais no YouTube usaram o nome do jogo a fim de realizarem golpes, dizendo que o título estava disponível em outras plataformas (como Android) e que existia uma versão disponível gratuitamente para download, tanto em dispositivos móveis, quanto para Windows.

Algumas pessoas relataram que vírus entraram em seus dispositivos, com alguns capazes de roubar dados pessoais do usuário.

A Betagames Group e várias outras personalidades foram completamente contra tais atitudes. Denúncias foram feitas a esses canais, com alguns desses vídeos sendo finalmente deletados da plataforma.

Isso mostrou que várias pessoas estavam com interesse em adquirir o jogo de alguma forma. A Betagames Group divulgou em seguida que iriam disponibilizar uma nova campanha de arrecadação em um futuro próximo.

Versão Alfa e Acesso Antecipado

A distribuidora previu o lançamento de uma versão alfa do jogo no segundo semestre de 2020. Uma segunda campanha bem-sucedida no Catarse possibilitou essa versão em maio de 2020.

Essa versão possui novas mecânicas, bem como um sistema dinâmico de dia e noite, novas armas e novos veículos (como motos). Também contou com aprimoramento da polícia e de personagens, novas movimentações, lojas de armas, mais roupas e correções dos bugs vistos na versão pré-alfa.

A pandemia de COVID-19 também causou impactos na produção do jogo. A equipe adiou o lançamento da versão alfa para 23 de março de 2021 por conta de complicações relacionadas à pandemia.

Por conta de outros problemas de produção, o lançamento da alfa foi postergado para uma data não especificada.

A desenvolvedora declarou que evitaria divulgar novas datas antes de ter “plena certeza de sua conclusão em seu melhor estado de polimento”.

Em 12 de outubro de 2022, a equipe lançou um trailer da versão alfa do jogo. A distribuidora lançou a versão alfa em 17 de novembro de 2022 para Windows via acesso antecipado na Steam.

As versões para os consoles PlayStation 4, PlayStation 5, Xbox One, Xbox Series X/S e Nintendo Switch estão previstas para lançamento em uma data posterior.

No dia de seu lançamento, a versão alfa alcançou o primeiro lugar de jogos mais vendidos da Steam.

Acusações de Fraude e Desvio de Dinheiro

No dia 20 de novembro, uma investigação se organizou sobre a desenvolvedora do jogo.

Essa investigação se deu após a distribuidora sofrer várias acusações de fraude e desvio de dinheiro, segundo a publicação de um desenvolvedor do site MixMods.

No dia seguinte, a empresa publicou uma nota de repúdio rebatendo as acusações.

Versão Beta de 171

Na campanha no Catarse de janeiro de 2019, a Betagames Group comentou que, ao atingirem as metas, a distribuidora lançaria uma versão beta do jogo em algum momento do ano de 2021.

Na campanha de maio de 2020, a equipe reafirmou que o lançamento da beta ainda estaria programado para 2021. Com o adiamento da versão alfa para 2022, a versão beta encontra-se atualmente sem data.

Impacto Cultural de 171

171 aparece no quinto episódio da primeira temporada da série de televisão Pico da Neblina (2019). A HBO Brasil transmite a série co-dirigida por Fernando Meirelles.

O diretor foi indicado ao Óscar pelo filme Cidade de Deus (2002).

Críticas dos Jogadores

Apesar do sucesso de vendas logo após o lançamento na Steam, muitos usuários fizeram pesadas críticas ao jogo.

As críticas incluem problemas relacionados à performance, com relatos de otimização ruim até em placas de vídeo mais fortes, como as RTX 4090.

Bugs

Outra crítica bem forte foi quanto aos bugs presentes no jogo, sendo considerado o segundo maior problema do jogo, depois dos problemas de performance.

Os bugs são muito frequentes, na moto de trilha o protagonista fica totalmente de pé, por exemplo. O movimento de girar o guidão também é problemático, parecendo que está em câmera lenta.

É possível também presenciar vários bugs com o caminhar dos NPCs. Vários jogadores teceram comentários sobre a travada física dos personagens e sobre alguns pedestres deslizarem ao invés de andar.

Jogabilidade Travada

A jogabilidade trava bastante, com o andar do protagonista duro. Qualquer carro, até mesmo um fusca, empina a frente quando você anda com eles.

A tração das motos é dianteira, sendo algo totalmente distinto da vida real. Na hora de empinar a moto (dar aquele famoso grau), não se tem controle algum, sendo impossível saber quando a moto está prestes a cair.

Apesar da cidade lembrar uma cidade de baixa renda brasileira, com comércios e casas típicas de nosso país, o mapa é extremamente pequeno.

Comportamento de NPCs

Os pedestres têm uma reação muito exagerada às vezes, e outras, nulas, passando por fogo cruzado como se não existisse.

Também é possível extorquir um morador de rua e retirar 200 reais em um assalto. Também é possível assaltar qualquer pedestre várias e várias vezes, até cansar. Por enquanto, a hitbox está travada em alguns lugares, criando barreiras invisíveis.

Conclusão

Com a falta de uma história ou objetivos, a jogabilidade é cansativa, sem muitas coisas para se fazer. Então, se você tem um PC fraco, não recomendo este jogo de forma alguma.

Se você tem interesse em jogar o 171 e aproveitá-lo como um jogo estilo GTA, espere até o lançamento oficial. Por enquanto, a alpha é mais um jeito de contribuir com o projeto (além do catar.se).

 


Por Equipe Apptuts
Seções:



Voltar ao topo