IPTV vs Pirataria: qual a relação entre eles?
Um Comentário
IPTV vs Pirataria: qual a relação entre eles?
IPTV vs Pirataria: qual a relação entre eles?

IPTV vs Pirataria: qual a relação entre eles?

Um Comentário

A televisão pela internet é uma das melhores novidades e vem sendo especialmente procurada nesses tempos de quarentena. Já mostramos aqui no AppTuts algumas das melhores opções de IPTV. Mas por que existe a discussão de IPTV vs pirataria.

O que isso significa? Que quem usa IPTV esta consumindo conteúdo ilegal? IPTV é igual à pirataria? Antes de começarmos essa discussão, vamos primeiro te dizer o que é IPTV e como diferenciar um IPTV legalizado para um pirata.

Confira os próximos parágrafos e descubra como saber se estes apps para ver filmes e séries podem estar te exibindo programas de maneira ilegal!

O que é IPTV?

De maneira bem simples e resumida, IPTV é televisão por internet. Ou seja, você acessa canais de TV usando o seu sinal de internet, ao invés de antenas ou cabo, como acontece em provedoras de canais fechados.

Isso significa que qualquer provedora também pode transmitir seu sinal televisivo pela internet e quem tiver acesso ao serviço de IPTV pode assisti-lo no computador, smartphone ou em smart TV.

iptv vs pirataria

O problema reside em outra questão: serviços que interceptam a transmissão de operadoras fechadas e os oferecem a usuários por um preço menor. Ou seja, usam o IPTV para a pirataria.

É crime vender esse tipo de serviço? Isso é o que vamos responder no próximo trecho!


É crime vender IPTV?

A resposta para essa pergunta é: depende. Na disputa entre IPTV vs pirataria, é importante saber a origem dos seus serviços. Até mesmo para quem quer ganhar dinheiro vendendo esse tipo de serviço.

Vender IPTV pirata é sim crime, já que está vendendo conteúdo do qual você não pagou licença para exibição. Ou seja, você está furtando a propriedade intelectual de uma empresa sem pagar os royalties devidos.

Por isso que o serviço de IPTV pirata é mais barato que o legalizado. Agora, como descobrir se uma lista de IPTV é legalizada? Confira a seguir!

Qual IPTV é legalizado?

Para ter segurança na hora de assinar um serviço de IPTV para assistir séries e acompanhar a programação dos seus canais favoritos, opte por assinar direto com as operadoras. Redes como a Telecine, por exemplo, possuem pacotes que serve tanto para quem já assina um canal fechado quanto para quem prefere assistir pela internet.

Assinar direto com a operadora é a alternativa mais segura de ter um IPTV legalizado em casa. Também existem representantes oficiais, mas para comprar com eles, é importante exigir documentação legal.

Dessa maneira, saberá que aquele representante está te vendendo um serviço legítimo.

televisão

Qual é a velocidade ideal para assistir IPTV?

Uma das questões mais pertinentes por quem procura serviços de IPTV é a velocidade de conexão. Assim como os apps de streaming, transmissão de vídeo é algo que costuma ocupar e exigir velocidade para reproduzir a programação ao vivo ou até mesmo para ver suas trilogias de filmes favoritas sob demanda.

A maioria das conexões fixas – não recomendamos usar seus dados móveis para assistir IPTV ou Amazon Prime Video – é capaz de reproduzir essas transmissões em qualidade HD (720p). Nossa recomendação para assistir IPTV nessa resolução é de 5 MB. Para Full HD (1080p), é indicado ter no mínimo 10MB de velocidade.

Tem um aparelho capaz de reproduzir vídeo em 4K e faz questão de assistir tudo nessa qualidade? Então a velocidade para IPTV estável indicada é de, no mínimo, 35 MB.

IPTV vs Pirataria – qual a diferença?

Como é notável ao longo artigo, IPTV e pirataria não são significam a mesma coisa. Ainda assim, é possível usar o serviço para compartilhar conteúdo de forma ilegal. Embora assistir IPTV pirata não configure em crime, vender esse tipo de serviço é.

Mesmo que seja só um consumidor, isso também significa um risco para você. Por ser algo ilegal, operações policiais que miram em serviços do tipo podem desbaratar essas operações, desligando o sinal pirata.

Ou seja, mesmo pagando por um ano de uma lista IPTV pirata, você pode ficar sem o serviço do dia para a noite, sem a possibilidade de reaver o seu dinheiro ou a operação. O barato poderá ficar caro.

Por isso, indicamos sempre que possível utilizar listas IPTV oficiais, já que ficará resguardado pela lei de proteção ao consumidor, mesmo que seja necessário pagar mais caro.

Quer saber mais sobre televisão por internet? Então veja como o IPTV funciona nesse artigo!





Comente este artigo

* Campos de preenchimento obrigatório

1 Comentário

  1. Silvia Coelho 19 de outubro de 2020 7:31

    O serviço da https://iptvmf.tv funciona bem.

Voltar ao topo